Rua do Lazareto, 50 A - r/c | 9060-019 Funchal
tel: 291 224 361 | fax: 291 234 784 | e-mail: funchal@edicarte.pt
Filipe Freitas, Sites, Apps, Madeira, Ilha da Madeira, Madeira Islands, iPhone, iPad, Multimedia



2000

Inauguração do Aeroporto da Madeira - Programação Cultural

O programa de actividades culturais que assinalou as comemorações de inauguração do novo Aeroporto da Madeira prolongou-se ao longo de quatro meses, entre Junho e Setembro de 2000, e privilegiou as artes plásticas, a música, a dança, as actividades desportivas, os colóquios e conferências, as exposições, a edição e a animação. A par das presenças estrangeiras nas diversas áreas contempladas na programação, procurou-se garantir uma destacada participação nacional e regional e contribuir para continuar a promover e a estimular o trabalho, os intérpretes e as estruturas de produção e divulgação já existentes na Região.

1. Opereta "Viúva Alegre" - 7 e 8 de Setembro

2. Kiri Te Kanawa - 16 de Setembro

3. Svetla Vassileva e Boris Martinovich, acompanhados pela Orquestra da Madeira dirigida pelo Maestro Miguel Graça Moura - 23 de Setembro

4. "Um Tempo para a Paz" - 14 e 15 de Julho

5. António Chaínho e Marta Dias - 5 de Julho

6. Sara Tavares - 10 de Julho

7. Rui Veloso - 2 de Setembro

8. Ney Matogrosso - 4 de Setembro

9. GNR - 10 de Setembro

10. Delfins - 14 de Setembro

11. Ala dos Namorados - 15 de Setembro

1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11

1999

III Bienal da Utopia – Cascais 99

A Edicarte coordenou e realizou, por encomenda da Câmara Municipal de Cascais e da Fundação D. Luís I, a III Bienal da Utopia que decorreu no Concelho de Cascais, entre 30 de Abril e 30 de Maio de 1999. Do programa da Bienal fizeram parte a realização de exposições, conferências, concertos, espectáculos de teatro e bailado bem como, um conjunto de actividades lúdicas como sejam ateliers de leitura infanto-juvenis, um torneio de xadrez e um passeio a pé, subordinado ao tema “Conheça Cascais”.

Guia de Exposição de Cascais.
Património e Cidadania
Cartaz Promocional da
III Bienal Utopia de Cascais

1998

A Região Autónoma da Madeira na Expo' 98

A Edicarte foi contratada pelo Governo da Região Autónoma da Madeira para conceber e produzir a Programação Cultural da sua representação na Expo’98.
O vasto e diversificado conjunto de eventos realizados constituiu uma amostra significativa da riqueza e diversidade que caracteriza a vida cultural da Região, contribuindo para estimular e dar uma maior visibilidade ao trabalho desenvolvido pelos artistas e estruturas de produção regionais.
Assim, entre Maio e Setembro de 1998 foram produzidos dezoito espectáculos musicais nas áreas da Música Clássica, Ligeira, Tradicional e Pop/Rock. Participaram, ainda, a totalidade das Bandas Filarmónicas da Região e onze Ranchos Folclóricos em representação de cada um dos concelhos da Região, que, além de actuações individuais nos diversos espaços de animação espalhados pelo recinto onde decorreu a Feira Mundial de Lisboa, actuaram em conjunto por ocasião das comemorações do dia oficial da R.A.M na Expo’98.
O calendário de actividades culturais incluiu, ainda, a participação na Exibição Náutica, onde estiveram representadas embarcações tradicionais de pesca e de transporte de passageiros, bem como uma réplica, construída na Região, da nau Santa Maria em que Cristóvão Colombo realizou a viagem que o levou até às Índias Ocidentais. Registe-se também a organização de uma Embaixada de doze veleiros da Marinha de Recreio, madeirense que navegaram do Funchal até ao recinto da Expo’98.

Borracheiros
6 de Junho de 1998
"Uma Homenagem a Max"
30 de Junho de 1998
 
Grupo Folclórico da Casa do Povo da Camacha
10 de Junho de 1998

1997/2000

Marca-Madeira - Festival de Arte Contemporânea da Madeira

A Edicarte interveio activamente na concepção, direcção e gestão da Marca-Madeira, um projecto inovador de descentralização cultural promovido pelo Governo da Região Autónoma da Madeira, no Funchal, em Agosto de 1987. Comissariado por Francisco Faria Paulino, director da Edicarte, este projecto teve como corolário a 1ª Feira de Arte Portuguesa e o 1º Leilão de Arte Contemporânea Portuguesa, realizado para todo o país através da televisão.
Em 1997 e 2000, a Edicarte deu continuidade a este importante projecto, produzindo e realizando as 2ª e 3ª edições da Marca-Madeira, respectivamente.

Cartaz Promocional da Marca-Madeira 97
Cartaz Promocional da Marca-Madeira 2000

edicarte | projectos de promoção institucional | projectos culturais | projectos desportivos | exposições | artes plásticas contemporâneas | reuniões científicas e colóquios | edições | outras edições | assessorias e estudos | audiovisuais | outros projectos

e : d : i : c : a : r : t : e